SAIR



LEMBRANÇAS
Que saudades dos anos 70 e 80 ! Saudades das guloseimas, brinquedos, músicas, propagandas, roupas, enfim tudo aquilo que fez parte de nossa vida e nos tornou o que somos hoje !

Doação


 
Memory Chips
 
 

Lucy Pulando CordaPara escolher quem ia ser o pegador no pega-pega ou quem ia bater cara no esconde-esconde era muito fácil ! Alguém pegava uma pedrinha, escondia em uma das mãos e gritava "Chiniqueiro Livre"; estendia as mãos e a galera tinha que escolher uma das duas. Aquele que escolhesse a mão com a pedra estava pego (por exemplo, ia bater cara no esconde-esconde).

Com o tempo inventaram um monte de outras coisas como quando alguém gritava o tal Chiniqueiro livre outro vinha logo em seguida e lançava: "Tesourinha corta tudo" e acabava ele ficando livre da brincadeira. Então, eu lembro que a última frase ficou: "Chiniqueiro Livre, Ninguém me corta, Rei das pedras" (talvez por causa da pedrinha na mão) ! Santa confusão Batman...

Com cartas você jogava Rouba-Monte ? Mau-Mau ? Porco ?

Com as mãos você jogava:

Jó-Ken-Pô (Pedra, Papel e Tesoura) e sempre alguém inventava uma outra coisa tipo a agulha que diziam que furava o papel...

Dois ooooou Um;

Deeeeeeeeeeedos !

Lembra daquelas brincadeiras onde as meninas ficavam fazendo um jogo complicado com as mãos, enquanto cantavam uma música tipo:

Coca-cola um sorriso;
Pra repartir;
Pra refrescar;
Pra gente curtir;
Pra se soltar;
Coca-cola um sorriso;
Pular CordaSorriso é tão bom que eu quero ver você sorrindo comigo;
Coca-cola dá mais vida;
Coca-cola um sorriso !

O trem maluco quando sai de Pernambuco;
Vai fazendo xique xique até chegar no Ceará;
Rebola pai mãe filho eu também sou da família também quero rebolar;
Um pouquinho da Coca-Cola um pouquinho de Guaraná;
Minha mãe me botou na escola pra aprender o be-a-bá;
A danada da professora me ensinou a namorar;
7 e 7 são 14 com mais 7 21;
Tenho 7 namorados mas não gosto de nenhum;
Cada vez que vejo um...
Dou um tapa no bumbum !

Pombinha branca que está fazendo;
Lavando roupa pro casamento;
Moço bonito, todo arrumado;
Chapéu de lado, meu namorado;
Mandei entrar, mandei sentar;
Cuspiu no chão ?
Limpa aí seu porcalhão !

Ou então pulando corda e cantando:
Bailarina entra no palco já;
Bailarina pula num pé só;
Bailarina encosta a mão no chão;
Bailarina sai do palco já !





Bolas de GudeE que tal ficar jogando bolinha de gude tentando ganhar as mais bonitas e coloridas do seu colega ?

No Rio Grande do Sul lembraram de uma brincadeira chamada Boco:
Cada um fazia um pequeno buraco na areia, todos em fila e então um de cada vez jogava uma bola de tênis, devagar e rasteira, de uma distância de meio passo em direção aos buracos. Quando a bola caia (encaixava) num buraco, o dono daquele buraco tinha que pegá-la e sair correndo e acertar um dos demais ! Se acertasse, a vítima recebia "um filhinho", se errava, ele próprio recebia "um filhinho" (o filhinho era uma pedrinha pequenininha que era colocado dentro do buraco "Boco"). Quem alcançasse 3 ou 5 filhinhos ia para a parede receber a punição que consistia em colocar a pessoa de costas com os braços abertos encostado na parede e todos faziam fila para arremessar a bola de tênis nas costas da pobre criatura...

Outras brincadeiras que o pessoal lembrou com saudades foram:

Duro ou Mole
Ou Pega Gelou, um tipo de pega-pega onde ao ser pego a pessoa ficava "congelada/Dura" até que um amigo conseguisse tocar na pessoa para livrá-la do congelamento (mole);

Alerta
Cada um ganhava o nome de uma fruta, um dos jogadores tinha a posse da bola e a jogava para cima gritando o nome de uma das frutas enquanto os demais saiam correndo. O jogodor com o nome daquela fruta tinha de pegar a bola e aí gritava ALERTA ! Todo mundo parava e a pessoa com a bola tinha que tentar acertar alguém dando no máximo três passos. Se acertasse a pessoa atingida saía da brincadeira !

Cavalo de Cabo de Vassoura Rá Ré Rí Ró Rua
Era uma variante da brincadeira Alerta descrita acima, mas a pessoa atingida em vez de sair da brincadeira ficava com "Rá". Na próxima vez que fosse queimada com "Ré" e assim por diante até chegar na "Rua" e só então saía da brincadeira.

E que tal sair por aí cavalgando seu cavalinho de cabo de vassoura e rodinhas embaixo ?

Passa Se não Fede
Onde esticávamos os dedos polegares e indicadores, fechávamos os demais e juntávamos os polegares. Aí tinhamos que encostar nos outros e falar a famosa frase : Passa Se não Fede. Se a pessoa não passasse, ficava fedendo !?!


Telefone sem fio
Onde uma frase era passada no ouvido de uma pessoa para outra até o último que falava a frase em voz alta. Normalmente não tinha nada a ver com a frase original e todos caiam na risada !

O circo pegou fogo;

Escravos de Jó;

Batatinha Frita 1 2 3;

Elefante Colorido (" Que cor ? ");

Pimenta Pimentinha Pimentão, Sapatinho de Algodão;

Boca de Forno ("Promete fazer tudo que seu mestre mandar ?);

Mês
Duas meninas escolhiam um mês e as outras tinham que acertar. Quando alguém acertava as duas falavam "O que você quer do mundo?" e quem acertou falava alguma coisa, tipo "um filme", as duas escolhiam cada uma um filme em segredo e quem tinha acertado optava por um deles, quem das duas tivesse escolhido este filme ficava e continuava a brincadeira junto com quem tivesse acertado o mês;



Página Anterior Próxima Página

 
 
25
 

 


Doação

Todas as imagens, sons, títulos, marcas, personagens, etc. aqui apresentados
pertencem a seus respectivos criadores e detentores de direitos autorais.
MemoryChips 2003-2017



Facebook Twitter